Tecnologia

IBM confirmou compra da empresa Red Hat

A compra feita pela IBM chegou a quantia de U$ 34 bilhões


No dia 28 de Outubro foi anunciada, oficialmente, a compra da empresa Red Hat pela gigante IBM. A empresa Red Hat, que é uma das principais companhias de desenvolvimento de soluções open source e Linux para empresas no mundo, já estava sendo sondada há algum tempo por outras grandes empresas.

A venda para a IBM foi pelo valor de 34 bilhões de dólares. O acordo levou em consideração o número de ações que a empresa tinha até então, precificando cada uma das ações em 190 dólares. O final dos tramites de compra devem ser anunciados no segundo semestre de 2019, quando devemos ter o pronunciamento dos órgãos reguladores. Com a compra, a IBM irá se tornar a principal empresa do mundo na oferta de soluções híbridas. Atualmente, essa parte do mercado já é a principal fonte de renda da IBM, o que justifica a aquisição a fim de aumentar ainda mais o tamanho da empresa.

"A aquisição da Red Hat é um divisor de águas. Ela muda tudo no mercado de nuvem", comemorou o presidente e diretor-executivo da IBM Ginni Rometty.

Mesmo com a compra, a IBM diz garantir que a Red Hat seguirá como uma empresa aberta que irá participar normalmente da comunidade open source. Algo que é crucial para empresas desse modelo, ter liberdade.

"Juntas, IBM e Red Hat contribuíram mais do que qualquer outra organização para a comunidade open source", disse o primeiro comunicado conjunto das empresas.

A  Red Hat e a IBM já vinham trabalhando em conjunto há muitos anos. As duas foram as empresas que mais ajudaram a dar visibilidade para o universo Linux, além de contribuir com seu desenvolvimento e crescimento. Podemos estar diante de uma das maiores negociações tecnológica já vista.

Comentários

VEJA TAMBÉM...