Tecnologia

Redes sem fio de 1 gigabit por segundo é implementada pelo Facebook em Porto Rico

O sistema será usado como uma alternativa ao cabeamento por fibra óptica em área considerada patrimônio tombado pela Unesco


A companhia começou a testar na cidade de San Juan, em Porto Rico, o sistema de internet sem fios Terragraph. Ao longo dos próximos seis meses, o Facebook operará o serviço em parceria com a operadora porto riquenha AeroNet para fornecer internet com velocidade na casa dos gigabits por segundo (equivalente a 1.000 megabits por segundo) na região da Velha San Juan, uma área turística e patrimônio tombado pela Unesco. 

 

A implantação da tecnologia sem fio do Facebook tem tudo a ver com o fato de a região ser patrimônio tombado. Por fim, a realização de obras de fibra óptica teria uma série de barreiras o que tornou mais simples seguir a alternativa sem fio proposta pela empresa de Mark Zuckerberg. 

 

O terragraph é um sistema que usa de ondas de rádio de alta frequência, na faixa de 60 GHz, utilizando uma tecnologia batizada como WiGig. Ela possui vantagens em relação a desempenho de rede, mas tem fraquezas, também: sinais de alta frequência têm dificuldades de penetrar por paredes e janelas, são mais afetados pela chuva e têm um alcance menor, o que faz com que seja necessário reduzir a distância entre as antenas para uma cobertura confiável. Por serem pequenas e poder serem acopladas a estruturas já existentes, como postes de energia e placas, o que ainda é mais simples e barato do que instalação de redes de fibra óptica. 

 

Em 2016 o Facebook havia anunciado o Terragraph, durante uma apresentação na F8, conferência anual da empresa para desenvolvedores. Com o passar desses anos a empresa começou a testar a tecnologia na própria sede e acabou implementando a ferramenta de San Jose, na Califórnia.

Comments